BLOG

O que se sabe sobre a “doença da urina preta”?

16 de Janeiro de 2017

Doença misteriosa que causa fortes dores e urina preta tem preocupado especialistas. Entre 14 de dezembro de 2016 e 05 de janeiro de 2017, foram notificados 52 casos suspeitos da doença na Bahia.

Os sintomas comuns da doença misteriosa são dores musculares intensas de início súbito, dor ao leve toque no corpo, urina preta, dores nas articulações e sudorese, mas ainda há pouca informação a seu respeito.

Por que a urina fica preta?

Segundo especialistas a doença provavelmente causa uma inflamação com destruição das células musculares – chamada de rabdomiólise. Quando ocorre a ruptura das células musculares, a mioglobina – pigmento muscular que retém o oxigênio nos tecidos – cai na corrente sanguínea e os rins têm que filtrá-la. A mioglobina, no entanto pode causar danos aos rins e os sintomas são justamente urina preta, fraqueza muscular e fadiga, podendo causar até mesmo insuficiência renal. A rabdomiólise pode ser causada por deficiências hereditárias de enzimas musculares, infecções, drogas, toxinas, entre outros fatores.

Doença que deixa a urina preta tem intrigado especialistas. © Guschenkova | Shutterstock.

O que pode estar causando a doença?

No caso deste surto na Bahia, ainda não se sabe o que exatamente pode estar desencadeando a doença. Segundo a superintendente de vigilância à saúde da Sesab (Secretaria de Saúde da Bahia), Ita Cácia Aguiar, existem 4 hipóteses que explicariam as causas da doença: infecção por bactérias, infecção por vírus, contaminação por metais pesados ou toxinas, mas ainda não há confirmação. Uma das suspeitas é que peixes consumidos na região tenham causado a intoxicação.

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Sesab enviou para análise na Fiocruz no Rio de Janeiro, amostras de fezes de pacientes para pesquisa de enterovírus; no Instituto Adolfo Lutz em São Paulo, amostras de peixes in natura para investigação de metais pesados e; para um laboratório no Alabama (EUA), amostras de peixes consumidos por pacientes. Até o momento não há resultados. Além disso, análises da água que abastece a cidade, para investigação de cianobactérias, descartaram a possibilidade de contaminação por este meio.

Tratamento e prevenção

A recomendação é que a população fique alerta aos cuidados com a higiene pessoal com os alimentos e, ao apresentar qualquer um dos sintomas associados à doença, recomenda-se que o paciente procure um médico. Como não há uma confirmação das causas, o tratamento está sendo feito com hidratação e analgésicos. É muito importante que o paciente não tome anti-inflamatórios, a fim de não piorar a situação dos rins.

Fontes: Sesab/2016 e Sesab/2017.


Fique ligado, pois este assunto pode aparecerno seu vestibular contextualizado em questões sobre fisiologia humana. Confira abaixo uma questão que caiu no vestibular de Medicina da Faculdade Albert Einstein em 2016.

Exames de urina ajudam a diagnosticar alguns problemas que ocorrem em nosso organismo. Em um hospital, a análise da urina de um paciente adulto revelou o seguinte resultado para alguns de seus componentes:

COMPONENTE

VALORES DE REFERÊNCIA

Proteína

ausente

ausente

Glicose

presente ++++ (alto)

ausente

Cristais

ausentes

ausentes

Creatinina

0,90 mg/dL

0,60 a 1,30 mg/dL

O resultado da análise nos dá indício de que o paciente em questão

a) apresenta absorção regular de aminoácidos e de glicídios no duodeno, e que uma vez no sangue circulante, estas substâncias são normalmente absorvidas pelas células.  

b) não apresenta absorção regular de aminoácidos e de glicídios no duodeno, embora apresente níveis normais destas substâncias no sangue circulante.  

c) apresenta níveis elevados de glicose no sangue, e parte dela não é reabsorvida pelos rins, sendo eliminada na urina.  

d) é saudável, uma vez que esses resultados estão dentro dos valores de referência.   

 

Resposta: alternativa c. O resultado da análise do exame indica que o paciente apresenta hiperglicemia, porque o excesso de glicose presente na corrente sanguínea não é reabsorvido e é eliminado na urina.  




Confira também

  • É possível ser saudável sendo vegetariano/ vegano?

    LEIA MAIS
  • Pesquisadores desenvolvem cola para cicatrizes a partir de mexilhões

    LEIA MAIS
  • Últimas descobertas sobre a zika

    LEIA MAIS
  • Medicamento para Hepatite C apresenta resultados positivos para o tratamento da Zika

    LEIA MAIS
Total time: 264.55 ms (SQL time: 0.02 ms, overhead time: 89.72 ms), SQL(s): 15 (install mode) GZIPED
INVALID HTML
CFP_HTMLTOOLS: Missing type in SCRIPT tag
CFP_HTMLTOOLS: Missing type in SCRIPT tag
CFP_HTMLTOOLS: Missing type in SCRIPT tag
CFP_HTMLTOOLS: Missing ALT in img tag: img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=254341104760439&ev=PageView&noscript=1"
CFP_HTMLTOOLS: Missing type in SCRIPT tag
CFP_HTMLTOOLS: /head came when /link was expected
CFP_HTMLTOOLS: End of file reached while waiting 9 end tags:Array ( [0] => html [1] => head [2] => meta [3] => link [4] => link [5] => link [6] => link [7] => link [8] => link )