BLOG

História do feijão contaminado é desmentida!

25 de Setembro de 2015

Muitos tem me perguntado sobre a história do feijão contaminado com Trypanosoma cruzi  ou por uma larva, que teria provocado diarreia e a morte de 10 pessoas em São Paulo.

A transmissão da doença de Chagas através de alimentos pode ocorrer. Entretanto, se dá quando estes alimentos são triturados em conjunto com barbeiros (vetor) infectados ou mesmo quando estes alimentos estiveram em contato com a urina de gambás. Neste caso, como ocorreu, por exemplo, com o caldo de cana no sul e no nordeste, e com o açaí no norte do país, as formas do parasito são ingeridas juntamente com o alimento,  e a transmissão se dá pelo acesso que o parasito (Trypanosoma cruzi) tem por estar em contato com a mucosa bucal.

Feijão contaminado com larva

Observem que nestes casos, o parasito está vivo, pois nem o suco nem o caldo de cana, passaram por qualquer processo seja de fervura ou de congelamento, pois o parasita não suportaria nem a alta nem a extremamente baixa temperatura.

No caso da suposta contaminação do feijão por larvas, o que não é verdade, elas também não sobreviveriam ao cozimento na panela de pressão.

morte de pessoa que comeu feijão contaminado




Confira também

  • Retrospectiva 2015: Ciência e meio ambiente no Brasil e no mundo!

    LEIA MAIS
  • China entra em alerta vermelho de poluição!

    LEIA MAIS
  • Saiba tudo sobre a COP 21 em Paris!

    LEIA MAIS
  • Água + espaço - gravidade = efeito mágico!

    LEIA MAIS